PROFESSORES E ESTUDANTES TEM BENEFÍCIOS NO NOSSO SITE.

SAIBA MAIS

lg_oficina_textos_branco

  • MEUS PEDIDOS
Buscar

Pensando o Espaço do Homem - Impresso

Conceitos fundamentais em sua obra, que foram posteriormente desenvolvidos, encontram-se nestes ensaios, como a territorialização das práticas, ou o período técnico-científico, noção de totalidade a que chegou analisando a evolução da técnica e as relações econômicas e políticas no mundo globalizado. A discussão sobre a mudança de papel da ciência e da tecnologia, as atividades terciárias convertendo-se em fonte de dominação e acumulação, são outros temas que desenvolveu nesses textos, sempre tendo em mente o ponto de vista do Terceiro Mundo.

Ver descrição completa

Pensando o Espaço do Homem - Impresso

Editora:
pensando-o-espaco-do-homem-6dc64c.jpg
Impresso

descrição completa


5ª edição - 2ª reimpressão 2009



Nos três ensaios que compõem este livro, escritos entre 1977 e 1980, o geógrafo Milton Santos reflete sobre questões com as quais se preocupou durante os vinte anos subsequentes, como as categorias de espaço e tempo. 



"Quando a divisão do trabalho e a cooperação perversa por ela ocasionada se estendem à escala do planeta, o mundo como espaço se torna espaço global do capital."



Milton Santos está a nos dizer que o mundo da mercadoria se tornou o mundo; que a universalidade abstrata do dinheiro (capital por excelência) atinge o mais recôndito dos lugares e as mais finas, as mais tênues relações; que ao indivíduo, sujeito histórico gestado no longo processo de mundialização do capital, vai sendo negada a individualidade, restando-lhe a competição generalizada; nesses termos, a vida se estabelece no irrisório, dominada pela pobreza com os seus múltiplos sentidos.



Mas como Milton Santos desconfiava que isso não poderia encerrar a História inteira, deixou a mensagem de que "é inútil imaginar que a pobreza poderá ser eliminada sem a eliminação da atual estrutura de produção, de investimentos e de consumo". "A produção viabilizada pelas reais necessidades da maioria da população deve ser solidária com essa. Não mais tratará de uma produção autônoma como até agora, mas estritamente ligada ao consumo da sociedade como um todo." [O. C. L. S.]

Especificação

AutorMilton Santos
SumárioSumário
Páginas96
Publicação2004
Formato14 x 21 cm
EncadernaçãoBrochura
Edição5

Títulos Relacionados