PROFESSORES E ESTUDANTES TEM BENEFÍCIOS NO NOSSO SITE.

SAIBA MAIS

lg_oficina_textos_branco

  • MEUS PEDIDOS
Buscar

Genômica e evolução

Uma visão original de como diversas facetas e vertentes da Genômica guardam estreita relação com os mais diferentes aspectos da vida e áreas do conhecimento: medicina, ecologia, procriação, extinção e até mesmo filosofia, cultura e comportamento.
Ver descrição completa

descrição completa

Num momento em que há uma crescente especialização no campo da Genômica, com abordagens cada vez mais específicas e fragmentadas, Genômica e Evolução proporciona uma rara visão holística da área. Partindo de suas raízes histórico-filosóficas na Grécia Antiga, chega às pesquisas mais atuais em evolução molecular, genética comparada, evolução humana e evolução cultural.

Uma visão original de como diversas facetas e vertentes da Genômica guardam estreita relação com os mais diferentes aspectos da vida e áreas do conhecimento: medicina, ecologia, procriação, extinção e até mesmo filosofia, cultura e comportamento. Esta abordagem inovadora e holística enriquecerá pesquisadores e estudantes de graduação e pós-graduação em Biologia, Bioquímica, Biomedicina, Genética e Biotecnologia, entre outros.

Especificação

AutorFrancisco M. Salzano
SumárioSumário
DegustaçãoDegustação
Páginas272
Sub-Títulomoléculas, organismos e sociedades
ISBN978-85-7975-038-0
eISBN978-97-8857-975-7
Publicação2012
Formato18 x 25,5 cm
EncadernaçãoBrochura
Edição1

Especificação de Capítulos

Capítulo 01Bases histórico-filosóficas
Quais são as visões do mundo que prevaleceram e ainda estão presentes na nossa história? Após considerar essa questão faz-se uma revisão da trajetória intelectual da humanidade desde o tempo da Grécia antiga até a época atual. Foram considerados de maneira especial os estudos de genética e evolução realizados no Brasil. No final, examinam-se as relações entre ciência e filosofia.
Capítulo 02Origens
Somos geralmente curiosos sobre as origens de todos os fenômenos, e aqui se considera: (a) A origem do universo; (b) A história do planeta Terra; (c) A origem da vida; (d) A origem e evolução do código genético; (d) Como surgiu a multicelularidade; e (f) A origem dos eucariotos. A última questão levantada é se estamos sozinhos no universo ou se existe vida em outros planetas, e se a vida na terra poderia ter se originado a partir de uma introdução extraterrena.
Capítulo 03Evolução molecular
Aborda-se inicialmente o conceito de evolução e como é a estrutura e o funcionamento do material genético. A variabilidade do mesmo é regida pela seleção natural ou tudo acontece por acaso? A nossa história evolutiva é considerada através das ferramentas da filogenética e filogenômica, e por último aborda-se questões sobre a evolução do sistema imune de plantas e animais, incluindo a espécie humana.
Capítulo 04Genômica comparada
A genômica comparada considera os genomas completos de diferentes organismos, relacionando-os com a sua evolução. São avaliados os dados sobre procariotos, eucariotos e, detalhadamente entre esses últimos, dos protozoários, plantas, fungos, invertebrados e vertebrados. O que se buscou foram as relações estrutura-função.
Capítulo 05O genoma humano
São considerados aspectos estruturais e funcionais do nosso genoma, sua variabilidade, e os fatores que devem estar agindo sobre a mesma. A última questão considerada é a da relação entre a variação genômica presente em nosso sistema nervoso e o processo sociocultural, que deve ter influenciado de maneira decisiva no condicionamento dessa variabilidade.
Capítulo 06Organismos não-humanos – variabilidade e adaptação
O foco das análises direciona-se, agora, de unidades moleculares para o organismo como um todo, examinando-se inicialmente os organismos não-humanos. Tópicos abordados incluem a biodiversidade no mundo e, mais especificamente, na América do Sul, Brasil e Amazônia. Também são apresentados exemplos selecionados de estudos desenvolvidos pelo grupo de Porto Alegre sobre plantas, cachorros, galinhas e onça-pintada.
Capítulo 07Evolução humana
Aborda-se: (a) nossa herança primata; (b) hominoides e hominíneos; (c) o enigma Neandertal; (d) o microcosmo latino-americano; (e) raça, racismo e políticas afirmativas; (f) variabilidade na suscetibilidade e etiologia de doenças; e (g) com grande detalhe, questões genético-evolutivas relacionadas aos ameríndios.
Capítulo 08Comportamento e cultura
Inicialmente são examinados os diferentes conceitos de cultura, sua origem e desenvolvimento. O que condiciona a evolução cultural? Avaliam-se aspectos específicos da relação biologia-cultura, como a evolução da linguagem, o processo de domesticação, e relações dialéticas como cooperação e conflito, ou saúde-doença. O mundo da arte é também considerado, bem como o livre-arbítrio, as religiões, e os conceitos de moralidade.
Capítulo 09Síntese
Procurou-se, aqui, fazer uma avaliação de todos os pontos abordados na obra, como as relações simplicidade/complexidade, análise-síntese, assim como o conceito da irmandade que une todos os seres vivos, e a noção de progresso, como aplicada à nossa evolução. São também apresentadas duas visões contrastantes sobre o futuro do mundo: uma pessimista e a outra otimista. Para alcançarem-se as condições descritas pela visão otimista é indispensável o apoio à ciência, mas não somente isso. É necessária, nas condições do mundo atual, uma política vigorosa em favor dos excluídos e discriminados.

Títulos Relacionados